Arquivo de Abril, 2010

30
Abr
10

Um excitante fim de semana!

30
Abr
10

Prognóstico sem hipocrisia!

Fcp vs Benfica, decisivo para o titulo? Sei lá, espero que sim, que já estou cansado dos focinhos de porco mal encarados de uma corja de gente que habituada à tradicional bajulação de todos ás vitórias do clube de contumil, não conseguem disfarçar a sua azia perante a manifesta superioridade dos encarnados de Lisboa e também, embora não o queiram assumir, dos de braga.

Perguntaram-me o prognóstico do jogo. Se fosse como o famoso “capiton” do fcp diria sem mais, que só os daria no final. Mas eu cá digo o que penso e não vou entrar nos tradicionais 1X2 para evitar vergonhas no final do jogo.

Digo sem temor que o Benfica em condições normais ganha o jogo sem grandes problemas, mais golo menos golo. E porquê?

Simples. É melhor equipa, mais forte, tem melhor treinador, tem tempo mais que suficiente para preparar o jogo e também porque sabe que a vitória vale por dois. Para escândalo de muitos, digo sem temor que resultado diferente da vitória será para mim surpresa da grande.

Não há certezas no mundo da bola, e o futebol deve ser o único desporto do mundo onde o mais fraco, e mesmo muito fraco consegue ganhar ao mais forte, mesmo quando este é mesmo muito forte, vide o caso do Barca – Inter.

Dirão os meus amigos que existe a questão Olegário, e eu respondo…onde raio há melhor? No estrangeiro? Ah se o árbitro fosse estrangeiro, como me iria rir. Mas isto é futebol real, não de telenovelas.

Estarei eu a menosprezar o fcp? Faltava mais nada. Eles têm todos motivos e mais alguns para evitarem a derrota. O orgulho à cabeça, pois saírem com cabeça de melão do seu próprio estádio deve ser coisa que eles só de pensarem tremem como varas verdes…ou azuis, neste caso. Depois o espírito de vingança dá forças que muitas vezes se julgavam não existir. Mais a mais a pressão do público, todo a envolvencia criada pela maníaca perseguição ao Benfica equilibram em muito os pratos da balança.

Mas aí está também uma vantagem para os encarnados. A ausência de pressão. Os jogadores do Benfica têm de perceber que o jogo é mais de honra e orgulho que outra coisa. Se resolverem a questão já domingo, como espero, melhor. Se tal não acontecer, porque futebol é futebol, paciência, pouco há a temer.

Jogar futebol, e bem, o jogo pelo jogo, sem responder a provocações, evitando confusões, não levando desaforo para casa, é certo, mas rindo da bagunça encomendada é a receita para uma jornada feliz.

Viva o Benfica campeão!

Bola7 falou…

29
Abr
10

Cartão Laranja!

Tempos estanhos estes. Os valores mudaram muito, bem como as referencias neste nosso mundo que se diz moderno. Valores fortes da sociedade como a honestidade, camaradagem, respeito mútuo, dever, e respeito pelos direitos de acreditar nas suas convicções são substituídos pela convicção que só existem direitos, poucos deveres e que o valores que vêm do passado são coisas ultrapassadas.

Li há tempos que pelo mundo fora se incendeia a perseguição feroz a quem acredita em valores espirituais, como se se tratasse de gente louca que deve ser exorcizada da sociedade. Milhares de cristãos são mortos em África e ninguém diz uma palavra. Mas também outros credos como os budistas nos Himalaias por exemplo, são perseguidos duramente. Outras convicções religiosas ou mesmo quem simplesmente acredita no sobrenatural, atribuindo nomes diversos são considerados quase como párias e olhados pela nova classe de gente que aspira ao poder, ou mesmo que o detêm como párias da nova sociedade.

Isto tudo porque devido à minha estupidez militante de não suportar a conversa estúpida de fedelhos cretinos respondi de forma desabrida, como bom pescador que sempre fui, à forma “educadamente” insultuosa como certa gentinha gosta de escrever. Não levo desaforo para casa e estou-me cagando para os bem falantes. Para esses o meu desprezo e a mão espetada nas suas fuças se possível. É esta gente que na linha dos políticos de pacotilha, empresários medíocres, e gestores vigaristas, gozam forte e feio com o pobre povo e depois ainda se fazem de vítimas. Como resultado disto tudo recebi um cartão laranja…antes dessa cor que azul, porque aí seria o fim da macacada…que me suspende do excelente site Serbenfiquista.com. Acho justo e não contesto, porque quem prevarica deve ser castigado. A única coisa que lamento é não puder encontrar-me cara a cara com certas criaturas, pois ai sim gostaria de ouvir das suas bocas a palavras “mansas” que gostam de emitir bem longe e protegidos pela distância e anonimato. Um dia quem sabe o troco será dado no devido lugar.

Curiosamente ou não este status espalha-se tambem tipo vírus no mundo da bola. Casas do Benfica são atacadas, num exemplo de um manancial de crescente onda de anti-benfiquismo que por momentos faz-me lembrar o anti-clericalismo militante da 1ª República. É observar o ar cínico e pútrido de certas caras de alguns comentadores da nossa praça perante os recentes sucessos do Benfica. A dor de cotovelo até faz impressão. Raramente emitem uma palavra de elogio que não seja seguida de vários mas…Um amigo leitor relatou num post anterior o escândalo do comentário ao jogo de ontem da Champions, e o desdenhar do Glorioso passado do Benfica, como se os feitos alcançados tivessem resultado apenas de uma imaginação prodigiosa. Vejam a forma injusta como o mundo desportivo tratou a vitória do Benfica no futsal. Quem lê ou consegue ler, pensa que se tratou de um qualquer jogo de salão, tipo bingo ou sueca, não dando o devido relevo ao feito.

Como dizia a publicidade, eu ainda sou do tempo em que o Benfica ao ser recebido nos diversos estádios do país, a cordialidade, respeito e admiração transbordava de mãos dadas à salutar rivalidade, de quem não devia nada mas sabia respeitar a qualidade. Não, meu caros, não era subserviência. Ninguém temia represálias, e ganhar ao Benfica era um feito tentado por todos, conseguido por poucos mas sem consequências nefastas para ninguém.

Outros tempos…

Bola7 falou…

29
Abr
10

Como deve doer!

28
Abr
10

Uma outra versão do cavalo de Troia!

– “Quem manda aqui sou eu, e eu é que decido como deve a SAD agir e ponto final!”

– “Mas o Sr decide porquê? Que percebe o Sr. de finanças?”

– “Se não estás contente sabes bem o que tens a fazer. Sai pela mesma porta que entraste!”

– ” Se eu sair garanto-lhe que tenho emprego logo à porta. Só tenho de atender o telefone, ao contrário do Sr. que se sair não tem para onde ir e nem o que fazer!”

…e saiu. Hoje perfila-se como candidato, porventura ao mais alto cargo no futebol nacional. O outro promete ciclos.

Verdade, mentira?. Manobra bem executada para inglês ver? Eu cá apenas vendo o peixe conforme me venderam, sem lucro. Desconfiado me mantenho.

Bola7 falou…

27
Abr
10

Auto de fé!

Perguntam-me porque não fiz a crónica do jogo do Benfica contra o Olhanense. Simples, julgo ser de maior justiça dar o maior relevo à vitória do Sport Lisboa e Benfica na “Champions” em futsal. Sim, porque o Benfica venceu um torneio patrocinado pela UEFA e não um jogozito qualquer de salão patrocinado por uma fabriqueta de molas ou de toldos.

Glória ao vencedores pois estes merecem ir para a categoria dos imortais, pois este triunfo é um caso quase único no pobre panorama desportivo nacional. Tirando um ou outro triunfo internacional que não nosso, no moribundo hóquei patins, que mais ganha Portugal nos desportos colectivos? E ver esse triunfo entre espanhóis e contra uma equipa espanhola é mesmo de apanhar uma de caixão à cova.

Sobre o jogo de sábado pouco ou nada há a dizer. Mobilização extraordinária da massa associativa encarnada dando mais numa lição de amor à causa única no planeta…gostaria de saber se este clube estivesse num pais moderno e com padrão de riqueza, direi, médio, o que seria…

Aos 8 minutos um tal de Delson suicidou-se com ele arrastou a pobre equipa algarvia para um inferno que lhe pode custar bem caro em termos anímicos para o resto da época. O Benfica depois da refeito da bela surpresa encetada pelo jogador “algarvio”, percebendo que as facilidades podem esconder armadilhas partiu para uma exibição convincente com níveis de qualidade bem acima do padrão nacional, como normalmente tem acontecido na maioria dos seus jogos. Triunfo por 5 golos porque não houve motivação para mais, e bem assim fizeram porque o mais importante aproxima-se e convém estar preparado para tal, não se desgastando em esforços estéreis com efeitos contraproducentes.

Nada a dizer da prestação de todos os jogadores num jogo que acabou por ser um treino mais exigente que os realizados na Caixa Campus. Os jogadores souberam ser profissionais e dignos da camisola e todo o mundo saiu da luz com um sorriso no lábio.

Entretanto o fcp lá se enredou nos seus erros estruturais e com o amarelo ao excelente Falcão lá arranjou mais um motivo para a cambada carpir mágoas e grandes parangonas e ser bálsamo para as suas feridas. Do scp a anedota de sempre.

O Braga, esse sim é que me tem deixado mal. Nunca na minha vida acreditei na sua capacidade de resistência. Meritória a todos os níveis a sua campanha. É certo que no fundo, no fundo, ele é também criação do Benfica e do fcp. Não falo dos seus treinadores. Falo no gozo que a presença do Braga em posições cimeiras deram a cada um dos tradicionais inimigos, pois cada um sonhou que o outro se ia “quilhar” com os arsenalistas. O problema é que quando deram por ela o Braga já se tinha emancipado e quando o seu mentor maior, o fcp percebeu, já tinha sido “enrabado” a sangue frio. Agora ao desespero é tão grande que se um jogador do fcp for mordido por um mosquito logo este é acusado de estar ao serviço do Benfica. Bem feita digo eu, e muito me vou rir no final disto tudo. É o que dá armarem-se em aprendizes de feiticeiros. Um dia tinham de se lixar.

Escrevi há tempos um artigo no qual dizia que por mais que o Benfica ganhasse os jogos, perante a resistência bracarense todas as semanas seriam para os benfiquistas um teste à sanidade mental de cada um. Mais uma semana mais 7 dias de desespero.

É certo que motivos para desconfianças sempre existem. Já vi cenários absolutamente improváveis acontecerem. Curiosamente raramente vi tais conjugações fantásticas favorecerem-nos, mas que já vi acontecer a outros. Os analistas dizem que só nos basta 1 ponto em 6 para sermos campeões, mas esquecem-se que faltam apenas 2 jogos, e não 3, 4 ou mais, facto irreal mas que serve para reforçar a ideia.

Gritam o desespero perante o facto do Benfica fazer um campeonato a todos os níveis fantástico, com 28 pontos de avanço sobre o scp e 11 sobre o fcp ,e terem à perna o sc Braga. Ninguém pensa pela cabeça do arsenalistas, que ao fim de décadas de existencia fazem o campeonato da vida, e quando pela 1ª vez têm a grande oportunidade de serem campeões, têm o azar de enfrentar um dos melhores “Benficas” de sempre.

O pessoal já faz contas a uma hipotética derrota no dragun e à possibilidade de enfrentarmos o Rio Ave num jogo dramático com a equipa dizimada por cartões, obra do boi preto ao serviço das forças do mal, temendo a falta de resposta perante um pobre Rio Ave.

É certo que podemos até ser goleados no dragun e em casa com o Rio Ave. Pode muito bem dar uma caganeira geral ao plantel e não podermos apresentar a equipa toda em condições. Pode até acontecer que vítima de uma magia negra qualquer os jogadores encarnados virem todos rabetas e recusem-se a serem viris em campo, e enfrentando os adversários aos beijos e florzinhas na lapela. Quiçá até podem ser raptados por extraterrestres que os queiram em algum clube interplanetário. Até eu posso partir o dedo que uso para escrever, aquele que faz um sinal que dá direito a expulsão se dirigido ao árbitro e não acabar a crónica, mas uma coisa tenho a certeza, o destino do Benfica, ao Benfica pertence.

Este campeonato vai acabar com um justo vencedor sem a menor das dúvidas. Todo o resto é letra. Se por acaso o Benfica não fosse capaz de ser o vencedor, melhor mesmo seria dedicarem-se todos à pesca da tainha na foz do rio ave no desembarcadouro de um esgoto no qual os pobres peixes se alimentam.

È por isto que esta semana pouco ou nada mais vou comentar de futebol, porque estou cansado. Vou para estágio, dedicar-me à pesca, mas de peixe graúdo e saboroso, e deixar a conversa sobre tainhas para outras calendas….olhem, quando sair a convocatória da selecção nacional por exemplo.

Até lá, respirem fundo, apanhem sol, comam, bebam e sejam felizes.

Domingo, cá estamos.

Viva o Benfica.

Bola7 falou…

27
Abr
10

Virgens ofendidas!

Já aí anda um novo “ANDOR” desta feita com a mostragem do 5º amarelo ao “FALMÃO”, por este dado dado um belo de um “TAPA NA CARA” num “CARRRRRRAPAU”.   O “CARRRRRRAPAUUU”, já veio a público e passo a citar ” Verrrrrrdade que [Falmao] mêêêê atingiu [ná bochecha], mâsss f’lámos dpóisss dê jgo e ele dissême quí tinha sido sin querrrrrrrerrrrrr. Vi o lanse na televizão e não m’i parrrrrrrrrrece que tiveççe sîdo intensssional. Se foççççe agrrrrrrrrressão, terrrrrria de serrrrrr verrrrrrrmelho. Hou é agrrrrrrressão hou nãn é?”   Ora ou o gajo tá parvo, pois no campo teve um esganar de dôr aquando do tau tau na bochecha, que até eu, a ver pela televisão fiquei horrorizado ….. ou então ficou com o Síndrome “Micaela” …. “BRRRRRUNO RIBÊRRRRRRRO, você queirrrr irrr prrrrró Porrrrko nê?”   Fora isto, convém relembrar uma famosa expulsão, perpetrada pelo nosso velho amigo companheiro, Carlos Xistrema, em que “excluiu” o Miccoli do jogo do Dragay…. há coincidências do “KARRRRRALHO” não há????????

http://futebol.videos.sapo.pt/qLayqlSekWvPZUQ7fo3y

Abraços  Filipe falou…




Bola7Inc

Abril 2010
S T Q Q S S D
« Mar   Maio »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

Estatisticas

  • 940,225 Visitas
Free counters!

Sondagens

Top de classificação

Páginas

Indique o seu endereço de email para subscrever este blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 43 outros seguidores